Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Luciano Silveira

  • Quinta-Feira, 23/03/2017

    Respirando por aparelhos!

    O Passo Fundo depois de mais um jogo sem vencer (9 jogos e apenas 1 vitória), segue vivo apenas por aparelhos.

     

    Com 6 pontos e segurando a lanterna do Gauchão 2017, só um milagre mantém o time na 1ª divisão estadual.

     

    Não pela matemática (seus adversários têm 8 pontos), mas sim pelo desempenho próprio que é muito ruim.

     

    Depois de empatar em Veranópolis, restaram apenas dois jogos (Caxias, em Caxias do Sul, e o Brasil/PEL, no Vermelhão), tem que vencer os dois compromissos e ainda “secar” seus adversários.

     

    Milagres acontecem? Sim! O futebol é um esporte que permite acreditar nisso e só por isso que seguimos acreditando que ainda dá tempo do tricolor passofundense escapar.

  • Terça-Feira, 07/03/2017

    Complicou!

    Não será nada fácil a vida do Passo Fundo nesta reta final de Campeonato Gaúcho.

     

    Com apenas quatro pontos (só uma vitória) conquistados em seis jogos, o time agora comandado por Leocir Dall’astra tem pela frente a missão de ganhar os três jogos que ainda restam dentro do Vermelhão da Serra (São José e Cruzeiro na sequência e, na última rodada, o Brasil de Pelotas), e ainda trazer pontos de Veranópolis e Caxias.

     

    Na estreia do novo comandante nada deu certo e o time foi goleado (4x1) no Estádio do Vale pelo líder 100%, Novo Hamburgo.

     

    Como classificam oito equipes para a próxima fase, até mesmo classificar é possível, mas sem dúvida hoje a missão principal de Leocir é levantar a moral da rapaziada.

     

    O desafio é enorme e voltar a atuar como na partida contra Internacional seria o ideal para a equipe do Vermelhão.

     

    Abandonar? Jamais! Agora é a hora do torcedor tricolor... Tem que encher o estádio no próximo domingo e ajudar a equipe contra o São José, adversário direto na briga contra o descenso.

  • Segunda-Feira, 20/02/2017

    Poderia ter vencido!

    De volta das férias e com boas notícias... Nesse último domingo, no Vermelhão da Serra, eu vi um Passo Fundo forte, valente e organizado e que poderia muito bem ter vencido o Internacional.

     

    Mas por que não ganhou então? Porque faltou um pouco de tranquilidade!

     

    O ponto chave do jogo foi o pênalti assinalado logo aos 2 minutos do segundo tempo pelo arbitro Jonathan Pinheiro, que aliás, estava nitidamente nervoso e apitando os lances com muita distância.

     

    Nesse gol de empate do Inter o Passo Fundo passou um momento importante do jogo mais reclamando da arbitragem do que jogando e isso quase foi fatal.

     

    Rodolfo Mól foi o grande líder de uma defesa que portou-se bem e que ainda teve Saimon participando do gol de empate.

     

    Dois gols de bola área, coisa que preocupação Paulo Porto que desta vez jogaram a favor.

     

    A pontuação ainda é baixa, mas já se foram os jogos contra a dupla. Na sequência duas saídas de casa difíceis, Juventude e Novo Hamburgo. E, depois, dois jogos em casa que podem determinar o que será do tricolor.

     

    Ótimo público no Vermelhão, a direção agradece!

     

    Confio no Passo Fundo, vai brigar por uma vaga.

  • Sexta-Feira, 27/01/2017

    Vamos, Passo Fundo!

    Depois de quase 60 dias de muito suor, alguns amistosos e muito trabalho chegou a hora do Passo Fundo encarar o Gauchão 2017.

     

    Será um dos campeonatos mais difíceis dos últimos anos, apenas 12 clubes e a maioria com muita força inclusive no cenário nacional.

     

    Medo? Nahhh O Passo Fundo é valente e vai fazer do Vermelhão da Serra um caldeirão. Mas para isso precisa do apoio do torcedor!

     

    O plano de sócios está na rua, muito em conta por sinal. Quem quer ajudar tem todas as chances possíveis.

     

    R$ 30,00 é o preço base para você se tornar sócio, uma barbada.

     

    Contra o São Paulo de Rio Grande é a hora e vez de empurrar o tricolor passo-fundense rumo à vitória.

     

    O time? Muito interessante... Rodolfo e Gustavo Miranda na zaga e mais a chegada de Saimon deram força ao setor.

     

    Pelos lados Dagoberto e Xaro dão velocidade, no meio Possebon e Filipe Guedes um toque de qualidade.

     

    Na frente a ousadia de Saldanha e a força de Genesis prometem tirar o Passo Fundo da fila  e colocá-lo em fases decisivas do nosso campeonato.

  • Segunda-Feira, 09/01/2017

    Surpresa boa

    Quem foi ao Vermelhão da Serra no último sábado (07/01), creio que tenha ficado impressionado, assim como eu.

     

    O Passo Fundo enfrentou o Caxias em partida amistosa mas já com “cara de Gauchão” e ganhou por 2x0.

     

    A vitória foi boa sim, porém, melhor ainda foi o desempenho! O time treinado por Paulo Porto jogou um excelente futebol na primeira etapa.

     

    Bola no pé, passes rápidos, ótima saída de bola com Possebon e Felipe Nunes, boa marcação do Kassado e o auxílio do Mikael no setor de meio campo.

     

    Na defesa o capitão Rodolfo foi um verdadeiro Xerifão, não passou nada por ele e deu tranquilidade a zaga.

     

    No comando de ataque Saldanha e Genesis se completaram muito bem! Saldanha rápido e muito insinuante e Genesis muito forte e brigador.

     

    Claro que foi apenas um amistoso, mas a primeira mostra para o torcedor de Passo Fundo foi muito boa.

     

    Agora é esperar mais um encontro com o mesmo Caxias, lá em Caxias do Sul, e depois encarar o São Paulo com a mesma seriedade do jogo de sábado.

Pesquisar artigos anteriores

Você concorda em votar no partido e não mais no candidato?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas