Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Segunda-Feira, 06/11/2017

    Em protesto contra salários parcelados, policiais civis entram em greve novamente a partir de hoje

    Com novo atraso nos salários, a Polícia Civil anuncia greve a partir de hoje, segunda-feira (6). A decisão da greve foi tomada na última quarta-feira em assembleia geral. Os efeitos do parcelamento salarial do atual governo gaúcho seguem causando transtornos para a sociedade em geral e não apenas servidores.

     

    A exemplo do que fez no mês passado, a Polícia Civil do Estado anunciou nova paralisação. Como a lei pede, 30% do efetivo está trabalhando, direcionado às ocorrências de gravidade, como, como assassinatos, crimes contra idosos e crianças ou mulheres. Conforme o sindicato da categoria, a greve só encerra quando o último agente receber integralmente o seu salário.

     

    Neste período quem precisar registrar alguma ocorrência, que não seja grave, deve procurar o registro online, pela internet no site: www.policiacivil.rs.gov.br.

  • Sábado, 04/11/2017

    Condomínios empresariais vão ofertar dezenas de áreas prontas para instalação de Empresas em Passo Fundo

    Historicamente lideranças políticas e empresárias sempre apontaram a cidade como vantajosa para a instalação de plataformas logísticas, por ter uma localização geográfica privilegiada. Estudo encomendado pela prefeitura ainda na gestão do prefeito Airton Dipp, em 2012, comprovou o potencial de Passo Fundo. O levantamento feito pela empresa gaúcha M. Stortti apontou que o município tem um dos maiores potenciais logísticos e de atração de investidores capazes de sediar este tipo de empreendimento e de transformar Passo Fundo em uma capital de logística regional. Além da excelente posição geográfica, Passo Fundo se beneficia por 66% do volume das cargas do Estado ter como destino ou caminho as rodovias que passam pelo município. O estudo estimulou investidores, liderados pelo empresário Antônio Roso, a projetar a Plataforma Logística Multimodal. A proposta é utilizar uma área de 70 hectares localizada na BR-285, ao lado do bairro Zachia com 70 novas empresas e investimentos na ordem de R$ 200 milhões, divididos em 3 etapas nos próximos 25 anos. Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Carlos Eduardo Lopes da Silva, o projeto pouco evoluiu nos últimos anos, mas não foi descartado. O que ocorre é que o empresário priorizou investimentos no Passo Fundo Shopping, que será inaugurado em 2018. O projeto está na fase de licenciamento ambiental para que sua construção possa ser autorizada. O secretário Carlos Eduardo revelou que já estão saindo da fase de projetos e partindo para a construção a construção de duas novas áreas para atender a demanda na área logística, industrial e comercial. O primeiro projeto é de 40 hectares nas proximidades da maltaria da Ambev, na BR-285 e o segundo, com 30 hectares fica também na rodovia federal, adiante do bairro José Alexandre Zachia em direção a Carazinho. A prefeitura é parceira das iniciativas, mas toda a área com infraestrutura de ruas, energia elétrica, redes de água, esgoto e acessos está sendo bancado pela iniciativa privada. Esses dois novos empreendimentos terão características semelhantes, onde será possível a instalação de indústrias, comércio e prestação de serviços, dotando a cidade de ambientes propícios e adequados para receber investimentos. Segundo o secretário, nos próximos anos Passo Fundo será destaque neste segmento de condomínios empresariais, o que vai impactar diretamente na nossa economia.

  • Sexta-Feira, 03/11/2017

    SCPC de Passo Fundo lança campanha de renegociação de dívidas e limpeza de nomes

    O SCPC está lançando uma campanha para a recuperação de crédito do consumidor, de olho na chegada do 13º e no final do ano.Ao consumidor, a oportunidade de renegociar dívidas em atraso e restabelecer o acesso ao crédito. Ao empresário, a diminuição dos índices de inadimplência da empresa, além do aquecimento da economia com o aumento de clientes no mercado. Estas são as vantagens de participar da campanha de recuperação de crédito promovida pelo Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC).“Comece 2018 com o pé direito” é o nome da ação que acontece de 01 de novembro a 31 de dezembro. Em entrevista na Uirapuru, o diretor do SCPC Passo Fundo, Valter Ceolin, explicou que a campanha consiste em receber os clientes em débito para fornecer uma lista ou o nome do estabelecimento comercial em que a pessoa está devendo. De posse desta informação o cliente deve procurar a loja para fazer uma negociação. Com isso o seu nome pode sair da lista e o cliente volta a consumir, movimentando o comércio. Ceolin alerta para, no momento de negociar com a loja, aceitar uma proposta de pagamento que possa honrar, evitando nova inadimplência e transtornos.

  • Quinta-Feira, 02/11/2017

    Dia de Finados: O que funciona neste Feriado em Passo Fundo

    Nesta quinta-feira, 2 de novembro, é feriado de Finados, portanto órgãos e serviços estarão fechados em Passo Fundo, retornando normalmente na sexta-feira. Estarão fechados: Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Bancos, agências lotéricas, INSS, Correios, Fórum, comércio e varejo e unidades de saúde. Mercados, supermercados e hipermercados também não vão abrir na quinta-feira. Apenas empresas familiares, sem a utilização de mão de obra, poderão ter atendimento no feriado. Na sexta-feira o expediente é normal.No Dia de Finados, a Codepas não vai realizar o recolhimento de lixo no Centro e no Interior, o serviço será retomado na sexta-feira. A empresa Via Norte, responsável pela coleta nos bairros, vai trabalhar normalmente no feriado. O transporte coletivo circulará no feriado com horário de domingo. O Bella Città Shopping vai abrir com horário de domingo, com praça de alimentação e área de lazer das 11h às 22h, e as lojas, com abertura facultativa, das 14h às 20h. O Bourbon Shopping estará fechado nesta quinta-feira. A Universidade de Passo Fundo (UPF), Imed, Faculdade João Paulo II, Anhanguera e IFSUL não terão aulas no feriado, as atividades acontecem normalmente na sexta-feira. Mas os pais devem ficar atentos porque as escolas municipais, de ensino fundamental e de educação infantil, vão fazer feriadão. Nesse caso, não haverá aulas na quinta-feira, sexta-feira e sábado. As atividades escolares retornam na segunda-feira, dia 6. Conforme a Secretaria Municipal de Educação, o feriadão foi acordado com a comunidade escolar no início do ano. O mesmo deve acontecer com as escolas da rede estadual. O governo do Estado decretou ponto facultativo, portanto a maioria vai fazer feriadão. Escolas como Monte Castelo e Ernesto Tocchetto vão aproveitar a sexta-feira e o sábado para recuperar aulas. A Faculdade Especializada na Área de Saúde do Rio Grande do Sul - Fasurgs também vai fazer feriadão. As aulas serão retomadas na próxima segunda-feira.

  • Quarta-Feira, 01/11/2017

    Operação Viagem Segura nas rodovias inicia nesta quarta-feira e vai até domingo

    Finados é historicamente um dos feriados nacionais de maior movimento nas rodovias federais porque muitas pessoas se deslocam para as cidades de origem para homenagear os entes queridos que partiram. Prevendo um feriado prolongado, nesse ano, a Operação Viagem Segura, que envolve a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e demais órgãos de segurança e de trânsito, terá a duração de cinco dias. Ela inicia a zero hora desta quarta-feira (1º) e vai até a meia-noite de domingo (5).Em Passo Fundo, com exceção das escolas municipais e estaduais e da agência do Sine, não haverá feriadão, mas a estimativa da PRF é de que haja um grande fluxo a partir da sexta-feira até mesmo em direção as praias. Em 2016, em razão do feriado ter caído no meio da semana, em uma quarta-feira, a operação durou apenas 24 horas, no qual foram registradas três vítimas fatais no trânsito. Em 2015, quando a ela se estendeu por quatro dias, foram registradas 16 mortes.O policial rodoviário de Passo Fundo, Lucio Finkler, explica que o objetivo é fortalecer a fiscalização nesse período para evitar que o número de óbitos seja superior ao dos feriados anteriores. Contou que as infrações que mais se repetem durante os feriados são o excesso de velocidade e as ultrapassagens indevidas e proibidas. Finkler ressaltou ainda a falta do uso de cinto de segurança que, apesar de não ser uma infração que causa acidente, acaba agravando bastante a consequência do acidente para os ocupantes que não estão usando o equipamento. A orientação para os motoristas é evitar essas infrações, bem como o consumo de bebida alcoólica. Além disso, é importante verificar as condições do veículo antes de pegar a estrada, como os itens obrigatórios. Finkler frisou que o motorista tem que ter a consciência de que a sua atitude enquanto estiver na condução do veículo vai fazer a diferença na segurança dele e dos outros usuários da rodovia.

Pesquisar artigos anteriores

Você concorda com a legalização dos jogos de azar no Brasil?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas