Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Sexta-Feira, 20/07/2018

    Programação dos 161 anos do município acontece em agosto

    A Prefeitura de Passo Fundo está concluindo os últimos detalhes das atividades comemorativas dos 161 anos da cidade. A Semana do Município terá uma programação intensa de 1º a 7 de agosto, além de outros eventos que irão se estender ao longo do mês de aniversário. A abertura oficial acontecerá no primeiro dia do mês, a partir das 14h, na Arena do Instituto Histórico, no Espaço Cultural Roseli Doleski Pretto, com pronunciamento de autoridades, atrações artísticas e homenagens. Outro evento já confirmado é o Jantar em homenagem a entidades que contribuíram com o desenvolvimento econômico de Passo Fundo, que ocorrerá no dia 4 de agosto, às 20h, na Casa do Bosque. Serão homenageadas as entidades Acisa, CDL, Sindilojas, Sinduscon e Sindicato Rural.Nos próximos dias a programação completa da Semana do Município será divulgada e poderá ser acessada no portal da Prefeitura (www.pmpf.rs.gov.br).

     

  • Quinta-Feira, 19/07/2018

    Na Uirapuru, reitor se despede à frente da UPF destacando que entidade é a maior obra cultural e imaterial da cidade

    Nos últimos oito anos, o professor Dr. José Carlos Carles de Souza esteve à frente da reitoria da Universidade de Passo Fundo (UPF). Na próxima sexta-feira (20) ele transmite o cargo para a atual vice-reitora de Extensão e Assuntos Comunitários, Bernadete Dalmolin. Um dos seus principais legados é o Parque Científico e Tecnológico UPF Planalto Médio (UPF Parque), implantado em 2013. Em tom de despedida, o reitor José Carlos participou do programa Repórter do Povo. Ao vivo, fez questão de agradecer a todos que participaram e contribuíram com a sua gestão. Reconheceu o trabalho da Uirapuru, levando informações e divulgando os grandes acontecimentos da universidade. José Carlos lembrou que o fundador da rádio Bruno Markus foi uma das personalidades que iniciou a história da UPF, que hoje completa 50 anos. O reitor destacou que a universidade é a maior obra cultural material e imaterial da comunidade de Passo Fundo. Salientou que o desenvolvimento da cidade se deve muito à instituição, aos profissionais que ela formou e as pessoas que vieram para Passo Fundo estudar e aqui permaneceram promovendo o desenvolvimento da construção civil, do comércio e da indústria. Sobre os dois mandatos, José Carlos disse que quando a atual reitoria assumiu, em 2010, foi encontrada uma instituição com dificuldades, com algumas dívidas por causa de vários investimentos e pela seca na região. De 2012 para cá é que se conseguiu equilibrar as contas, fazendo com que os balanços dessem positivos. Frisou que a reitoria deixou uma universidade muito melhor, com um crescimento exponencial nesse período. José Carlos relatou que em 2010 tinha um doutorado, hoje são seis e mais dois encaminhados. Havia sete programas de mestrados, atualmente tem 16. Além do crescimento acadêmico, o reitor citou que se conseguiu manter uma sustentabilidade da instituição do ponto de vista econômico e financeiro. Disse que deixa o cargo de reitor contente porque as dificuldades foram superadas.

  • Quarta-Feira, 18/07/2018

    Lojas de Passo Fundo deverão seguir novas regras para abertura em feriados

    A instalação da Rede Havan em Passo Fundo, que deve acontecer em breve, possibilitou a flexibilização da abertura das lojas em feriados. Conforme acordo aprovado em convenção coletiva pelo Sindicato do Comércio Varejista de Passo Fundo – Sindilojas e pelo Sindicato dos Comerciários, as empresas terão o direito de escolha de adesão para os dias que manterão suas portas fechadas em feriados. As empresas que não abrirem em sete domingos e feriados deverão pagar piso salarial de R$ 1.270, o reajuste para trabalhadores que ganharem de 1 até 3 pisos será de 2%. As empresas que, assim como a Havan, quiserem abrir em mais datas, fechando apenas em três feriados e no domingo de Páscoa, terão que se responsabilizar pelo piso salarial de R$ 1.450, vale alimentação de R$ 364, aumento do tempo de licença maternidade para seis meses, da licença paternidade para 20 dias e estabelecimento de plano de distribuição de resultados. As mudanças começam a valer a partir da assinatura da convenção coletiva, com validade de 1° de abril 2018 à 31 de março de 2019, que deve ocorrer no máximo até a próxima segunda-feira (23).Sobre a abertura das lojas de bijuterias e acessórios, que atualmente abrem todos os dias, ambos os sindicatos informam que o proprietário que tiver interesse pode abrir o seu estabelecimento 24h por dia, mas se usar mão de obra de funcionários terá que responder no Ministério do Trabalho. Hoje o Sindicato dos Comerciários, que representa a categoria, pode fazer as denúncias.

     

  • Terça-Feira, 17/07/2018

    Prejuízos por gatos na energia são divididos entre todos e usuários podem denunciar por telefone

    As equipes da RGE e RGE Sul realizaram, no primeiro semestre deste ano, 31.550 inspeções nas suas redes de energia elétrica para identificar adulterações e conexões clandestinas, os populares gatos. Deste total, 7.242 ligações apresentaram algum tipo de problema, correspondendo a 22,9% do total fiscalizado no Estado. Em Passo Fundo foram fiscalizadas 503 unidades consumidoras, sendo que destas, 151 apresentaram irregularidades, o que representa 30% das fiscalizadas. Na Uirapuru, o gerente de Serviços de Recuperação de Energia da RGE, Alexsando Souza, explicou que houve um crescimento considerável no número de gatos flagrados em comparação com 2017 em Passo Fundo, porém isso pode estar relacionado aos investimentos em tecnologia para descobrir estas fraudes. Souza explicou que uma equipe de inteligência em São Paulo mapeia consumidores e seus padrões de uso de energia, onde qualquer anormalidade é investigada com modernos equipamentos. Alertou que ao roubar energia o criminoso cria um débito no sistema elétrico. Este débito é dividido na conta de todos os consumidores, que pagam o prejuízo. O gerente lembrou que quem quiser denunciar pode fazer isso de forma anônima através do telefone 0800 721 0721.

     

  • Segunda-Feira, 16/07/2018

    Três mil motoristas de Passo Fundo já estão inscritos na dívida ativa por falta de pagamento do IPVA

    Encerra no final desse mês o calendário de pagamento do licenciamento de veículos. Passado o prazo, o motorista que for pego sem esse documento ficará sujeito à multa, sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e remoção do veículo. Um dos impostos que precisa ser quitado para o licenciamento é o IPVA. Em Passo Fundo, 6.500 veículos circularam com o IPVA atrasado. O calendário de pagamento terminou em abril. De acordo com o delegado adjunto da Receita Estadual, Elisandro Sperandio, boa parte dos contribuintes que não quitaram o imposto foram encaminhados para a Dívida Ativa da Fazenda Pública. São cerca de 3 mil na Dívida Ativa, o que representa R$ 3,8 milhões em crédito. Com a inscrição, o débito é lançado no cadastro do Cadin-RS e nos Serviços de Proteção ao Crédito, como Serasa, Boa Vista, SPC. O contribuinte passa a correr o risco de protesto em cartório e de sofrer a cobrança judicial. O delegado adjunto ressalta que a principal complicação é que o motorista vai ficar impedido de circular com o veículo enquanto não quitar a dívida, também não poderá contratar com o Estado, tirar certidão negativa, ou ser nomeado em concurso público. O atraso no pagamento do imposto acarreta em multa diária de 0,33%, até o limite de 20%, conforme a data de vencimento pelo número final da placa do veículo, sendo que depois de 60 dias em atraso, mais 5% são acrescidos. A inadimplência na cidade é de 9.9%, já a do Estado é de 8.2%. Conforme dados, 63.700 veículos estão regularizados. Até o momento foram arrecadados R$ 53 milhões com o IPVA. Sperandio alerta que as blitz acontecerão com mais frequência. É possível consultar a situação do veículo pelo site do Detran-RS (www.detran.rs.gov.br), informando a placa e o Renavam.

Pesquisar artigos anteriores

Você acha que a imprudência dos motoristas é a causa dos acidentes na ERS 324, entre Passo Fundo e Marau?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas