Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Terça-Feira, 22/08/2017

    Projeto de pavimentação da Transbrasiliana é aprovado pelo Dnit

    A bancada do Partido Democrático Trabalhista (PDT) da Câmara de Vereadores de Passo Fundo participou, nesta segunda-feira (21), de uma reunião no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), em Brasília, a fim pressionar o governo federal quanto à pavimentação da rodovia Transbrasiliana – BR 153.  Após o encontro com autoridades, foi aprovado o projeto de engenharia da obra pelo Dnit. Participaram do encontro os vereadores Marcio Patussi e Luiz Miguel Scheis que representa a Associação das Câmaras de Vereadores da Região da Produção, acompanhados do prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo; os prefeitos de Mato Castelhano, Jorge Agazzi; de Sertão, Edson Rossato; de Coxilha, Ildo Orth; de Marau, Iura Kurtz, além do reitor da UPF, José Carlos Carles de Souza, a presidente do Corde Munira Awad e os deputados Gilberto Caponai, Vilmar Zanchin e Gilmar Sossela. Segundo o diretor geral do Departamento, Casimiro Silva, a aprovação será seguida de um trabalho para arrecadação de verbas com a bancada gaúcha. Conforme o vereador Marcio Patussi, os parlamentares de Passo Fundo continuarão acompanhando as tratativas que visam efetivar a obra e, na terça-feira (22), devem participar de uma nova reunião com a bancada gaúcha no Congresso. “A Transbrasiliana foi criada com a promessa de crescimento para diversas regiões do Estado, crescimento que não foi obtido, já que o trecho compreendido no Rio Grande do Sul é o único, em todo o país, que ficou sem asfalto. Com o aval do Dnit, vamos, a partir de agora, em busca de recursos que viabilizem essa pavimentação”, disse. Conhecida como Transbrasiliana, a BR-153 é a quarta maior rodovia do país. Ela é a única que atravessa as cinco macrorregiões do Brasil, com aproximadamente 4 mil quilômetros de extensão. No Estado, a BR 153, entre Passo Fundo e Erechim, é compreendida por 70 quilômetros de chão batido, sendo o único trecho da rodovia sem pavimentação.

  • Segunda-Feira, 21/08/2017

    Associação vai propor transformação total do Pórtico da Roselândia

    Os ouvintes da Uirapuru alertaram na semana passada sobre a situação de abandono do pórtico do Parque Turístico da Roselândia. Em uma tentativa de resguardar esse que é um cartão-postal da cidade, o vereador Luiz Miguel Scheis (PDT) protocolou na Câmara um projeto de lei que visa o tombamento histórico do pórtico, da cuia e a chaleira. Na quinta-feira da semana passada, a Associação do Complexo Turístico da Roselândia, com apoio da prefeitura, conseguiu recuperar em parte a estrutura, realizando a limpeza e a pintura da cuia e a chaleira. Idealizado e construído no final da década de 90, o Pórtico dá acesso a uma área de 200 hectares com clubes sociais, sedes campestres, kartódromo e parque de rodeios. Fica no acesso secundário de Passo Fundo, no KM 112, da Perimetral Sul. A responsabilidade pela manutenção é da Associação Assecor, que em 2012, conseguiu fazer a última restauração. Na terça-feira (22) os integrantes da associação vão se reunir e finalizar o novo projeto de recuperação do local. A ideia é transformar o pórtico em algo realmente bonito e atrativo.

  • Sábado, 19/08/2017

    Estado deve mais de R$ 800 mil em repasses atrasados ao Hemopasso e Prefeitura está cobrindo com os custos básicos

     O serviço de coleta e distribuição de sangue está ameaçado no Rio Grande do Sul. Alguns municípios, que têm hemocentros em parceria com o Estado, estão com recebimentos de recursos em atraso e um deles é Passo Fundo. O Hemopasso, o hemocentro de Passo Fundo, abastece 140 municípios e cerca de 50 hospitais, mas a manutenção do serviço vem passando por dificuldades desde março. O município tem um convênio com o Estado, que repassaria mensalmente até R$ 160 mil, viabilizando assim o pagamento dos salários dos quase 30 funcionários. Com repasses atrasados desde março, a dívida do Estado com o município, só no caso do Hemopasso, supera R$ 800 mil. Em entrevista na Uirapuru, o secretário municipal de Saúde, Dr. Luiz Artur Rosa Filho, explicou que o município não deixará os servidores terem salários atrasados ou interromper o serviço do Hemopasso. Frisou que, por enquanto, os custos que caberiam ao Estado estão sendo pagos pela prefeitura. O secretário acredita que os repasses serão regularizados em breve, apesar do grande atraso. Até lá, mesmo não cabendo a Passo Fundo, a prefeitura segue mantendo em dia as obrigações básicas para o funcionamento do serviço.

     

  • Sexta-Feira, 18/08/2017

    Sem consulta online: todos os jovens que fizeram Alistamento Militar em Passo Fundo devem comparecer no processo de seleção

    O Exército disponibilizou a partir desse ano a consulta online para a situação militar. Com isso, os cidadãos alistados de 1º de janeiro até 30 de junho podem conferir pelo site www.alistamento.eb.mil.br se foram dispensados da seleção ou se participarão do processo seletivo que visa o ingresso nas Forças Armadas para o ano de 2018. No entanto, em Passo Fundo o processo continua sendo o antigo. O novo sistema deve estar em funcionamento somente no ano que vem. A orientação da Junta de Serviço Militar do município é que todos os alistados devem comparecer no processo de seleção para o serviço militar. A lista dos dispensados previamente só será conhecida no dia. A seleção acontece de 28 de setembro a 19 de outubro. Em Passo Fundo foram 1.548 conscritos. Para saber a data da sua seleção, o alistado deve procurar o órgão. O secretário da Junta de Serviço Militar, Nei Alves, lembra que o não comparecimento na seleção vai trazer problemas para o jovem na hora de conseguir um emprego, ingressar em uma faculdade, requerer um passaporte ou fazer um concurso público. Para ambos os casos é necessária a apresentação do documento de dispensa militar. A Junta de Serviço Militar de Passo Fundo fica localizada na Rua Teixeira Soares, 625, nos fundos do antigo Quartel do Exército. O horário de atendimento é das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h. Mais informações pelo telefone 3311-6043.  

  • Quinta-Feira, 17/08/2017

    Começa hoje o pagamento do PIS 2017-2018 para nascidos em agosto, confira os calendários de saque

    Nesta quinta-feira  iniciaram os pagamentos  para  o abono salarial PIS 2017-2018 para os trabalhadores da iniciativa privada nascidos em agosto. No caso do Pasep, que é pago para servidores públicos, o pagamento começa para quem tem final da inscrição 1. De acordo com o calendário, quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o PIS ainda no ano de 2017. Já os nascidos entre janeiro e junho receberão no primeiro trimestre de 2018. Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 29 de junho de 2018, prazo final para o recebimento. Para o exercício 2017/2018 serão destinados R$ 16,9 bilhões para pagamento do abono salarial a 24 milhões de trabalhadores. O valor do abono varia de R$ 78 a R$ 937, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou formalmente em 2016. Trabalhadores da iniciativa privada retiram o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil. É preciso apresentar um documento de identificação e o número do PIS/Pasep. Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2016. É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais), ano-base 2016.

    No caso do PIS, para quem é correntista da Caixa, o pagamento é feito 2 dias antes do restante dos outros trabalhadores. Veja calendário do PIS abaixo:

     

     

     

     

    Já no caso do Pasep, o crédito em conta para correntistas do Banco do Brasil será efetuado a partir do 3º dia útil anterior ao início de cada período de pagamento, conforme cronograma abaixo:

     

Pesquisar artigos anteriores

Dar esmola para moradores de rua resolve problema social?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas