Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Segunda-Feira, 09/07/2018

    Sindilojas aposta no retorno do frio, mas projeções de vendas não devem ser alcançadas neste inverno

    O inverno é a estação mais aguardada pelo segmento de vestuário em Passo Fundo. É nela que as maiores vendas são registradas, porém, neste ano as projeções de vendas não devem ser alcançadas. A informação é do presidente do Sindilojas, Jefferson Kura. Na Uirapuru ele afirmou que vários fatores devem contribuir para vendas abaixo do previsto. O inverno começou um pouco mais tarde e nos últimos dez dias não é registrada uma forte onda de frio. O frio intenso está diretamente ligado ao aumento nas vendas. Fatores como a Copa do Mundo e o cenário político também são um entrave nas vendas. Kura destacou que os lojistas estão oferecendo preços especiais para fomentar as vendas, com prazos e outras facilidades. O Sindilojas aposta no retorno da onda de frio, aliado às promoções como única chance de reverter o cenário e atingir a previsão de vendas para este inverno.

     

  • Sábado, 07/07/2018

    Desvio na Avenida Brasil muda a partir desta segunda-feira

    Com o avanço das obras de revitalização da avenida Brasil, a partir da próxima segunda-feira, dia 9 de julho, haverá mudança no desvio. Isso vai acontecer porque a obra entrou para terceira e quarta etapas da primeira fase, que acontece do lado oposto da via. Por conta disso, no sentido centro-bairro, o desvio vai ser a duas quadras de onde está hoje, ficando na rua Dr Bozano, seguindo pela Moron, sendo a preferencial a rua Dr Bozano. A terceira etapa acontece no trecho entre o trevo da BR 285 até a rua Dr. Verdi de Césaro; e 4ª etapa no trecho entre a rua Dr. Verdi de Césaro até a avenida Rui Barbosa. As etapas que estão começando preveem a realização da drenagem, fresagem e passeio no trecho. A previsão é de que os trabalhos durem cerca de uma semana, mas com possibilidade de prorrogação se ocorrer chuva. Depois, segue a obra com a pavimentação. As obras estão divididas em três projetos: o primeiro abrange pavimentação, ciclovia, drenagem, acessibilidade e sinalização; o segundo compreende ampliação e substituição da rede de esgoto; e o terceiro inclui melhorias na rede de infraestrutura elétrica. O investimento total será de R$ 17 milhões, incluindo recursos da Prefeitura de Passo Fundo, financiamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e convênio com a Corsan.

     

  • Sexta-Feira, 06/07/2018

    Gás de cozinha estará até R$ 4 reais mais caro hoje em Passo Fundo

    A Petrobras anunciou na última quarta-feira (04) aumento de 4,4% no preço do gás de cozinha nas refinarias. E a partir desta sexta-feira (06) os moradores de Passo Fundo já sentirão o acréscimo à medida que as revendedoras forem renovando os seus estoques. O botijão de gás de 13 quilos vai custar entre R$ 3 a R$ 4 mais caro. Hoje a média é de R$ 73 na telentrega e R$ 65 na portaria. O gerente da Dalponte Distribuidora de Gás de Passo Fundo, Antônio Loss, disse que não se esperava um aumento tão rápido, e mais uma vez a dona de casa vai sofrer as consequências. Explicou que nos últimos reajustes da Petrobras muitas revendedoras tentaram não repassar o aumento ao consumidor final, mas isso vai acabando com as margens das empresas, o que traz preocupação. Lembrou que na segunda-feira passada, dia 2 de julho, houve aumento no ICMS. O gerente da Dalponte salientou que, com os aumentos frequentes, a população tende a migrar para outras fontes energéticas, fazendo com que as vendas de gás caiam um pouco.

     

  • Quinta-Feira, 05/07/2018

    Proposta final da Havan será entregue ao Sindicato dos Comerciários nesta sexta e impasse pode ter fim

    As negociações entre Rede Havan e Sindicato dos Comerciários estão na reta final. Hoje (05) o Sindilojas, sindicato que representa os empresários e que está fazendo a mediação nesse processo, realizará uma assembleia para apresentação da proposta final da Havan. O documento será entregue ao Sindicato dos Comerciários amanhã, que poderá levar à votação na próxima semana. Se aprovado pelos trabalhadores, a Havan deve instalar a sua megaloja no bairro Petrópolis, ao lado do Stock Center, gerando 150 postos de trabalho. O investimento será entre R$ 30 e 40 milhões. Segundo o presidente do Sindilojas, Jefferson Kura, já existe um acordo entre as partes sobre o calendário de abertura da loja e salários. Os pontos da proposta seguem em sigilo, mas, conforme Kura, a proposta é ainda melhor que a primeira oferecida pela Havan, que previa salário acima do piso da categoria, pagamento de horas extras em domingos e feriados de 110%, valor extra pago de 100% e vale-alimentação de R$ 338, entre outras vantagens. O presidente da Rede, Luciano Hang, que por duas vezes esteve na cidade, recentemente declarou à imprensa que Passo Fundo deve receber o empreendimento até outubro desse ano.

  • Quarta-Feira, 04/07/2018

    Consulta Popular elege videomonitoramento como prioridade em Passo Fundo

    Os recursos da Consulta Popular deste ano serão para o videomonitoramento em Passo Fundo. A demanda, dentro da segurança pública, foi a mais votada na consulta, eleita pelo povo. A votação das prioridades aconteceu entre os dias 26 de 29 de junho e os resultados foram divulgados ontem na terça-feira . A Consulta Popular é um instrumento de participação da comunidade, que define parte dos investimentos que constarão no Orçamento do Estado. Em todo o Rio Grande do Sul foram cerca de 795 mil votos que escolheram 111 projetos nas 28 regiões dos Coredes que representam todos os municípios gaúchos. Neste ano, o governo do Estado definiu verbas de R$ 80 milhões para os projetos. Assim como em Passo Fundo, no geral a área que teve mais votos foi a Segurança Pública, com projetos que visam ao reaparelhamento dos órgãos da segurança e cercamento eletrônico, resultando em mais de R$ 26 milhões. Em nível de Estado, além da Segurança Pública, a área com maior número de votos foi a Saúde, com projetos que visam à ampliação, reforma e aquisição de equipamentos para estabelecimentos de saúde vinculados ao SUS, assim como a qualificação da Saúde da Família (aquisição de veículos), se somadas, as verbas ultrapassam R$ 25 milhões.

Pesquisar artigos anteriores

Você acha que a imprudência dos motoristas é a causa dos acidentes na ERS 324, entre Passo Fundo e Marau?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas