Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Quinta-Feira, 10/08/2017

    Hepatite C: médico alerta para importância de exames preventivos, pois doença é silenciosa

    Existem 135 mil pessoas com hepatite C no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Em 2016 foram registrados 27.358 novos casos.Em Passo Fundo, nos últimos dez anos foram 1.566 casos, só no ano passado foram registrados 107. A doença causa inflamação do fígado e raramente apresenta sintomas em sua fase inicial.O médico, Dr. Douglas Pedrosos destaca que por ser uma doença silenciosa, a população deve estar atenta e realizar os exames preventivos. Ressalta que o SUS oferece testes rápidos para o diagnóstico da doença.O médico explica que quanto antes a pessoa descobrir a doença mais rápida será sua cura. Sendo todo o tratamento oferecido pelo SUS, com medicamentos gratuitos. A hepatite C pode ser transmitida pelo contato com o sangue contaminado, através de transfusão de sangue, sexo desprotegido e materiais como agulhas e alicates contaminados. Ainda não existe vacina contra a doença, a melhor forma de prevenção é utilizar materiais esterilizados e preservativo nas relações sexuais.

  • Quarta-Feira, 09/08/2017

    Advogado afirma: é preciso critérios de garantia na hora de licitar empresas terceirizadas em Passo Fundo

    Durante os últimos dias a Uirapuru recebeu várias reclamações de ex-funcionários de empresas terceirizadas da prefeitura que não receberam seus salários em dia.  A prefeitura pode denunciar esses casos ao Ministério do Trabalho, para garantir os pagamentos dos funcionários. Os ouvintes reclamam que a empresa, além de não pagar em dia, fechou escritórios na cidade e agora eles não sabem a quem recorrer. Em entrevista na Uirapuru, o advogado especialista Alcindo Roque, explicou que a prefeitura tem uma responsabilidade subordinada com a empresa, pois ela é terceirizada, ficando a cargo desta empresa honrar com os pagamentos dos funcionários. Há cláusulas que, para receber da prefeitura, a empresa deve atestar os pagamentos em dia, porém a prática mostra que isso não protege o empregado 100%. Alcindo ressaltou que é preciso quebrar o círculo vicioso em que qualquer empresa sem estrutura vença licitações e mantenha contrato com a prefeitura. Muitas empresas apresentam sinais de que funcionam na forma de fachada, fechando após um certo tempo. Para o advogado o fim deste tipo de situação somente ocorrerá quando a prefeitura colocar mais critérios no edital para as empresas que concorrerem ao serviço terceirizado, pois hoje elas simplesmente fecham as portas e os funcionários acabam tendo que ingressar em demoradas ações judiciais.

  • Terça-Feira, 08/08/2017

    Novos ônibus da Codepas já estão circulando na cidade

    A nova frota da Companhia de Desenvolvimento de Passo Fundo (Codepas) começou a circular nas ruas de Passo Fundo na manhã de ontem, segunda-feira (7). São ao todo 10 veículos que serão distribuídos entre as linhas abrangidas pela empresa. A entrega oficial foi feita no último domingo, no estacionamento da Prefeitura, com a presença de trabalhadores da Codepas e de autoridades locais. Muito aguardados pela comunidade e pelos trabalhadores da companhia, os veículos são mais modernos, resistentes e maiores que os antigos. Eles possuem três câmeras de monitoramento, catracas adaptadas para a bilhetagem eletrônica, elevador para cadeirantes com sistema mais seguro, portas mais largas, itinerário com lâmpadas LED, bancos especiais para pessoas obesas e uma capacidade para 41 passageiros sentados. Os coletivos também seguem a nova identidade do sistema de transporte público da cidade, nas cores verde, azul e branco, como a bandeira do município. Na Uirapuru o prefeito Luciano Azevedo frisou que a partir de 2018, todos os ônibus, independente da empresa, terão o mesmo padrão é estabelecer um único sistema de transporte cada vez mais justo, mais eficiente e melhor para atender a comunidade. Foram investidos um pouco mais de R$ 3 milhões na aquisição dos coletivos urbanos, por meio de financiamento junto ao Banrisul. O presidente da Codepas, Tadeu Karczeski, destacou que foram anos de negociação. Os novos veículos representam um terço da frota atual da empresa, que chega agora a 42 veículos. Pelo menos 10 dos mais antigos vão para leilão devido às más condições. Para esta semana está prevista também a entrega de dois caminhões compactadores para a coleta seletiva.

     

  • Segunda-Feira, 07/08/2017

    Concurso da Mais Bela Comunitária de Passo Fundo 2017 começa nesse mês

    O concurso Mais Bela Comunitária 2017, que inicia nesse mês, está com algumas novidades. Nessa edição haverá apenas a categoria adulta, com premiação de uma bolsa de estudos da Faculdade João Paulo II para a primeira colocada. O coquetel de lançamento do evento foi realizado na última sexta-feira (4), no Esporte Clube Passo Fundo. Na Uirapuru, o presidente da União das Associações de Moradores de Passo Fundo (UAMPAF), Luiz Valendorf, ressaltou que a retomada do evento no ano passado depois de seis anos foi um sucesso e nessa edição deve superar as expectativas com mais de 100 meninas na grande final, que ocorre em novembro. Frisou que é uma festa de bairro que valoriza as meninas. Os desfiles vão iniciar ainda nesse mês e devem contar com a participação de pelo menos 50 das 94 associações de moradores de bairros de Passo Fundo. As candidatas serão avaliadas por jurados, observando-se quesitos como beleza, simpatia e conhecimento sobre a cidade e sobre o movimento comunitário. Ela representará a comunidade em todos os eventos da cidade. A Mais Bela Comunitária de 2016, Tayná Knetz, do bairro Alexandre Zachia, contou à Uirapuru que graças ao concurso vai poder garantir o futuro por meio da bolsa de estudos. No ano passado, a Faculdade João Paulo II também ofertou bolsas integrais. Tayná destacou que a Mais Bela Comunitária tem que estar ao lado da comunidade e trabalhar para um lugar melhor.

  • Sábado, 05/08/2017

    Trabalhadores da Italac fecham acordo

    Os trabalhadores da Italac - Indústria de Laticínios, com sede em Passo Fundo, aceitaram nesta quinta-feira, o acordo de reposição salarial e concessão de benefícios fechado entre o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação (STIA) e a empresa.  O acordo prevê: reajuste de 4,90%; vale alimentação no valor de R$ 200,00; piso da categoria de R$ 1.343,00; auxílio escolar no valor de R$ 560,16; quinquênio de 4%; adicional noturno; o pagamento do 31º dia do mês; e, a dispensa remunerada, mediante comprovação, às mulheres que forem realizar exames de mama e do colo de útero. Conforme o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação (STIA), Miguel dos Santos, as tratativas para a reposição salarial já estavam acontecendo desde março, já que a data base é 1º de junho, e que foi possível ser mantida. Ele comemorou o acordo e explicou que todas as diferenças do salário serão pagas já na folha de agosto. “No atual momento, avaliamos muito positivamente o tratado fechado, porque conquistamos cláusulas novas e tivemos aumento real, já que a inflação foi de 3.35% e conseguimos 4.90%. Isso se deve a mobilização dos funcionários, porque do contrário, não teríamos êxito”, ressaltou. 

Pesquisar artigos anteriores

Dar esmola para moradores de rua resolve problema social?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas