Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Quarta-Feira, 29/03/2017

    Prefeitura garante móveis para a Unidade Básica de Saúde do Presídio Regional de Passo Fundo

    A Prefeitura de Passo Fundo assinou, nesta semana, o convênio com o Presídio Regional de Passo Fundo, onde vai fornecer móveis para equipar a Unidade Básica de Saúde do Presídio.

     

    A unidade foi construída em outubro de 2016, mas não iniciou os trabalhos justamente pela falta de móveis e equipamentos. O investimento inicial, para a construção, foi de R$99 mil, com recursos vindos do Estado e também da mobilização municipal.

     

    Em entrevista na Uirapuru, o delegado penitenciário Rosalvaro Portella, explicou que a prefeitura entregará os móveis nos próximos dias. Conforme ele, hoje, sem a unidade de atendimento de saúde dentro do presídio, os apenados são deslocados para a rede municipal quando necessitam de cuidados.

     

    Destacou que muitos precisam de atenção especial, pois sofrem com o HIV ou outras doenças crônicas, o que vai melhorar com o início das atividades. Explicou que a unidade possui quatro espaços: um gabinete odontológico, uma sala de ginecologia, uma para clínica geral e uma sala de curativos.

     

    Alguns dos profissionais que trabalharão na unidade serão cedidos pela prefeitura, enquanto a SUSEPE contribuirá com outros. Portella frisou que todos se uniram, incluindo o conselho da comunidade, sendo que somente através desta união foi possível criar a unidade básica de saúde do presídio. Conforme ele, devido a atual situação do sistema prisional gaúcho, estas atitudes fazem a diferença.

  • Terça-Feira, 28/03/2017

    Êxodo rural: somente 2% da população de Passo Fundo está no campo

    Dados revelados pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE), apontaram que há 30 anos, o número de pessoas morando no campo no Estado era de 2,5 milhões, enquanto em 2010, esse número caiu para 1,6 milhão. Essa redução representa uma queda de 37% na população do Estado que vive no campo.

     

    Em Passo Fundo, conforme, dados do IBGE local, somente 2% da população da cidade está morando no campo. Há ainda uma pequena parcela que desenvolva atividades na lavoura, seja dono de terrar, mas more na cidade.

     

    Na década de 80 eram cerca de 15.600 mil pessoas vivendo no interior de Passo Fundo, sendo que hoje são pouco mais de 4 mil pessoas.

     

    Conforme o responsável pelo IBGE de Passo Fundo, Jorge Bilhar, lentamente pessoas que migraram para a cidade começam a retornar para o campo, devido a nova realidade da agricultura.

     

    Para Bilhar, ainda é preciso avançar em áreas como acessibilidade, comunicação por internet e outras melhorias, para que o jovem retorne para o campo. Bilhar explicou que o campo precisa de mão de obra e na cidade o desemprego está mais forte devido a crise, o que encoraja jovens a permanecerem no campo.

  • Segunda-Feira, 27/03/2017

    3ª Logistech vai debater infraestrutura e logística, focando o desenvolvimento econômico e social da região

    A Universidade de Passo Fundo realiza nesta semana o 3º Congresso de Infraestrutura, Transporte e Logística do Norte do RS – Logistech. O evento irá reunir diversos envolvidos na área de logística, propondo soluções e discutindo temas voltados ao setor.

     

    Na primeira edição, em 2014, o centro das discussões abordou a importância do aeroporto Lauro Kortz como instrumento de desenvolvimento regional, resultando na mobilização regional em busca de recursos para sua melhoria.

     

    A segunda edição, realizada em 2015, reuniu especialistas, autoridades e gestores públicos municipais, estaduais e federais que debateram soluções de infraestrutura logística para o Rio Grande do Sul.

     

    Segundo o coordenador do evento, Marcos Cittolin, a Logistech pretende discutir e propor ações para melhorar a infraestrutura que está disponível e desenvolver ainda mais Passo Fundo e região, já que os modais estão diretamente ligados à economia. Ele frisa que neste ano serão debatidos temas relacionados ao setor viário do Rio Grande do Sul, às Participações Público-Privadas das Rodovias (PPPs) e à Ferrovia NorteSul.

     

    O 3º Congresso de Infraestrutura, Transporte e Logística do Norte do RS – Logistech será realizado no dia 31 de março, no Centro de Eventos da UPF, em Passo Fundo.

     

    As atividades iniciam às 8h30min, com o painel “O potencial instalado da malha ferroviária do norte do RS e as demandas do setor”. À tarde, às 14h, haverá debate sobre o tema “As alternativas e os benefícios da construção de PPPs na malha rodoviária no norte do RS – o déficit no setor no norte do RS”.

     

    Estarão discutindo os temas integrantes da Secretaria Estadual de Transportes; Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT); da Assembleia Legislativa; Sindicato dos Trabalhadores de carga do norte do Rio Grande do Sul (Setracap); Sindicato dos Engenheiros do Rio Grande do Sul (Senge-RS); Fiergs e parlamentares.

     

    As inscrições são gratuitas e podem ser efetuadas no site www.upf.br/logistech.

  • Sábado, 25/03/2017

    A partir de Abril estações de bicicletas compartilhadas terão videomonitoramento

    Nos últimos meses, foram registrados muitos atos de vandalismo e até roubo das bicicletas do programa Vai de Bici. Com o objetivo de trazer mais segurança aos usuários, as estações das bicicletas compartilhadas contarão com câmeras de monitoramento. A empresa responsável pelo sistema, a Mobhis Automação, vai iniciar a instalação dos equipamentos na segunda semana de abril, com previsão de conclusão até o final do mês. Todas as 10 estações irão receber as câmeras de monitoramento.Já são aproximadamente 20 mil pessoas cadastradas que utilizam as bicicletas de forma gratuita.Mais informações podem ser obtidas na Rua Independência, 1165 – Centro, a uma quadra do Corpo de Bombeiros.No mesmo local, pode ser feito o cadastramento, mediante CPF, RG e comprovante de residência.O cadastro também pode ser feito pelo site www.pmpf.rs.gov.br. O telefone para contato é o 3046-1363 ou via WhatsApp 9 9631-7808.

  • Sexta-Feira, 24/03/2017

    Verba de R$50 milhões para o aeroporto de Passo Fundo estará disponível a partir de abril

    A tão aguardada reforma do aeroporto de Passo Fundo já está garantida. A verba de R$50 milhões foi oficializada pelo governo e agora, a partir da primeira semana de abril, será lançada a licitação.

     

    Em entrevista na Uirapuru, o vereador Paulo Neckle, presidente da comissão que trata sobre o aeroporto, destacou que esta etapa já está garantida, faltando somente o empenho do documento.

     

    Sobre a Avianca, Neckle destacou que a empresa trouxe versões diferentes para sua saída. Em Passo Fundo afirmou que as aeronaves não seriam comportadas pelo aeroporto local. Já em Porto Alegre a versão foi outra, que o aeroporto de Passo Fundo não oferece condições técnicas.

     

    Lembrou que o governo gaúcho reduziu impostos pela metade no combustível de avião, tudo para incentivar a permanência 

Pesquisar artigos anteriores

O motorista está mais consciente no trânsito?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas