Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Segunda-Feira, 02/10/2017

    Projeto amplia espaço para movimentos culturais no antigo prédio da Feira do Produtor

    A concessão do antigo prédio da Feira do Produtor, hoje denominado Galeria Estação da Arte, para a instalação de um centro de gastronomia movimentou os artistas da cidade que queriam a ocupação total do local. Pelo edital da licitação, apenas 70m² seriam para ocupação como espaço cultural. Atualmente o prédio é utilizado pela Confraria das Artes, que promove exposições e oficinas.O secretário de Cultura, Pedro Almeida, explicou que houve um avanço nessa questão. Contou que o mínimo era de 70m², mas que poderia ser ampliado conforme o projeto apresentado. A empresa vencedora, Fazenda Vento Norte, de Santa Catarina, que está em fase de entrega de documentação, elaborou uma proposta que contempla 120m² para os movimentos culturais. Pedro destacou que, além de garantir uma área gastronômica para a região do Parque da Gare, a revitalização é importante porque vai oferecer segurança e manutenção do prédio. Salientou que em tempos de recursos escassos, a prefeitura tem que fazer parcerias com a iniciativa privada para manter os prédios públicos em plena atividade. Destacou que a empresa vai investir, mas a gerência do espaço cultural fica a cargo da secretaria, que estará atenta para construir um projeto que dê continuidade, principalmente as artes visuais. 

     

  • Sábado, 30/09/2017

    Bandeira vermelha vai deixar conta de luz mais cara em outubro

    A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino anunciou, nesta sexta-feira (29), que a bandeira tarifária de outubro vai passar para vermelha patamar 2, o mais caro previsto, e a taxa extra cobrada nas contas de luz vai subir para R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos. É a primeira vez desde 2015, quando o sistema de bandeiras foi criado, que a taxa extra de R$ 3,50 é cobrada. No mês de setembro, vigorou a bandeira amarela, que aplica uma taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. O sistema de bandeiras tarifárias foi criado para sinalizar aos consumidores o custo da produção de energia no país. O objetivo é permitir que os consumidores adotem medidas de economia para evitar que suas contas de luz fiquem mais caras nos momentos em que esse custo está em alta. O custo de geração de energia no país fica mais alto conforme aumenta o uso de usinas termelétricas. Isso acontece porque as termelétricas usam combustível (óleo, gás, carvão, biomassa) para gerar eletricidade que, por isso, é mais cara que a produzida pelas hidrelétricas. Neste ano, o país enfrenta novamente uma forte estiagem, que reduziu o volume de água armazenado nos reservatórios das principais hidrelétricas do país. Devido à necessidade de poupar essa água, o governo aciona mais termelétricas para atender à demanda dos consumidores brasileiros.  

  • Sexta-Feira, 29/09/2017

    Com mais de 770 atletas inscritos, Circuito Municipal de Corridas de Rua acontece no domingo

    A penúltima etapa do ano do Circuíto Municipal de Corrida Rua de Passo Fundo acontece no próximo domingo, 1º de outubro. As inscrições foram encerradas na quarta-feira. Nessa edição serão 772 competidores. A prova inicia às 9h, com largada em frente a Rádio Uirapuru, que é parceria do evento esportivo, assim como a Universidade de Passo Fundo (UPF). Os atletas terão um percurso de 5 quilômetros, saindo da Sete de Setembro, seguindo pela Avenida Brasil até o Boqueirão, retornando para a rádio. Os chips só serão entregues mediante a doação de dois quilos de ração animal (1kg para cães e 1kg para gatos). Os donativos serão distribuídos a entidades protetoras de animais da cidade. Os kits podem ser retirados na véspera da corrida, no dia 30, das 12h às 16h, na Secretaria dos Esportes, na Avenida Brasil Oeste, 792. Para atletas de fora do município os kits serão entregues no dia do evento, das 07h às 08h15. A transmissão da Corrida de Rua conta com o oferecimento de: BS Instalações e Reparos; Tabacziski Auto OK Service; Plena Luz; Motor Class; DKS Produções e Eventos; Eletro ACB; Rei do Frango; Anuar Cosméticos. 

  • Quinta-Feira, 28/09/2017

    Consumidor já está pagando mais caro e preço do gás de cozinha sobe pela segunda vez no mês em Passo Fundo

    O novo reajuste da Petrobras de 6,9% nos preços de comercialização às distribuidoras do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), o chamado gás de cozinha, vai impactar novamente no bolso do consumidor. É a segunda vez no mês que o valor do botijão de gás de 13 quilos sobe. O primeiro aumento, no início de setembro, foi de R$ 5, agora o preço ficará R$ 2 mais caro em Passo Fundo. Com isso, o gás vai custar, a partir de hoje, (28), à medida que as revendedoras renovam os seus estoques, entre R$ 68 a R$ 70. É o que prevê o gerente da Dalponte Comércio e Transportes de Gás de Passo Fundo, Antônio Loss. Na portaria das revendedoras o botijão fica mais barato. Na Dalponte, por exemplo, o consumidor poderá adquirir o produto por R$ 60. Conforme a Petrobras, para a nova correção foi considerado que o mercado ao longo do mês de agosto permaneceu pressionado por baixos estoques e que a proximidade do inverno no hemisfério norte aumenta a demanda pelo produto. Antônio Loss destaca que os aumentos repentinos atrapalham os negócios e causam um desgaste com os clientes, que muitas vezes optam por outras fontes de energia, como forno elétrico. O gerente explica que, além dos reajustes, a falta do frio rigoroso no inverno passado fez com que as vendas caíssem em média 20%, ficando próximas às vendas de verão.

  • Quarta-Feira, 27/09/2017

    Passo Fundo terá o primeiro supermercado a oferecer compras Online com entrega em Casa

    O supermercado Moy vai lançar, na próxima segunda-feira, dia 2, uma grande novidade que já é tendência nas grandes cidades: fazer as compras no supermercado sem sair de casa. Vai funcionar assim: no site do supermercado o cliente poderá escolher cada produto, com informações sobre ele, escolhendo quantidade também. Ele vai enchendo um carrinho virtual e no fim, já com um cadastro de endereço, ele poderá autorizar a entrega em casa ou passar no estabelecimento e retirar. O pagamento pode ser feito com cartão, ou, no ato da entrega, em dinheiro. Em entrevista na Uirapuru, o gerente do supermercado, Diego Moy, explicou que o foco desta novidade em Passo Fundo é o cliente que não tem tempo de fazer o supermercado. Além da comodidade, quem decidir comprar pela internet terá algumas promoções diferentes das oferecidas na loja física. Inicialmente o valor mínimo será de R$ 50 para as compras online. Quem comprar mais de R$ 150 não terá cobrança de frete, já para as compras abaixo disso será cobrada uma taxa de R$ 9 pelo serviço. As compras onlines feitas até as 17h serão entregues até as 19h em qualquer lugar da cidade, mas o cliente pode escolher também o horário de entreg. Quem tiver alguma dúvida sobre o produto a ser escolhido terá ainda o suporte de um atendente via whatsapp, com número fornecido no site. Mais informações podem ser obtidas na página do Super Moy, no Facebook. O Supermercado Moy está localizado na Bento Gonçalves, Centro, em frente a Autoesporte.

Pesquisar artigos anteriores

Você concorda com a legalização dos jogos de azar no Brasil?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas