Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Terça-Feira, 30/05/2017

    Aumenta número de veículos inadimplentes com o IPVA 2017 em Passo Fundo: número chega a 20%

    Os motoristas que circulam com seus veículos pelas ruas de Passo Fundo e que não quitaram o IPVA 2017 e os demais impostos devem ficar atentos. A Receita Estadual fará nos próximos dias uma grande operação de fiscalização nas ruas da cidade. Em entrevista na Uirapuru, o delegado da Receita Estadual em Passo Fundo, Olivo Bressiani, explicou que o número de veículos que estão inadimplentes neste ano aumentou. São 15 mil veículos que ainda estão devendo o imposto, o que representa inadimplência de 20%, já que a frota pagante é de 75 mil veículos. Bressiani afirma que o índice é preocupante, pois em dezembro de 2016 estava em apenas 1%, sendo um reflexo também da crise. Bressiani alertou que a operação vai retirar os veículos devedores das ruas e se baseia apenas na consulta por placas. Se o carro não tiver débitos ele nem será parado. A ação terá o apoio da Guarda Municipal de Trânsito e de guinchos da cidade. O prazo para a quitação do IPVA se encerrou no final de abril. Já o limite para a regularização do CRLV é diferente. No dia 30 de abril, venceram os licenciamentos dos carros com placas final 1, 2 e 3. Nesses casos, quem não pagou já está irregular e poderá ter o veículo guinchado. O tributo das placas final 4, 5 e 6 vence na próxima quarta-feira, dia 31 de maio. Para final 7 e 8, o prazo é 30 de junho. O vencimento de placas final 9 e 0 é 31 de julho. Quem perdeu o prazo para pagar o IPVA, mas ainda não está com o CRLV vencido, não terá o carro guinchado, nem será multado.Porém, após 60 dias do débito, o proprietário do veículo será inscrito no cadastro da dívida ativa do Estado, que também poderá efetuar o protesto em cartório. Também haverá inscrição do devedor nos órgãos de proteção ao crédito, como o SPC e o Serasa.

  • Segunda-Feira, 29/05/2017

    Campanha de vacinação contra febre aftosa termina na quarta-feira

    A campanha de vacinação contra febre aftosa termina nesta quarta-feira. A doença é viral, altamente contagiosa e afeta animais como bois, búfalos, cabras, ovelhas e porcos. A transmissão ocorre principalmente por via respiratória e contato direto ou indireto com animais infectados. A imunização para o gado é obrigatória. A aquisição da vacina deve ser feita nos estabelecimentos autorizados. Após a imunização, o pecuarista precisa pegar a nota fiscal da vacina e apresentá-la na Inspetoria Veterinária do município com a relação dos animais imunizados para declarar a vacinação. O agricultor deve ficar atento ao prazo da vacinação e sua declaração no serviço veterinário, pois o descumprimento impedirá a emissão de Guia de Trânsito Animal.

  • Sábado, 27/05/2017

    Passo Fundo registra um caso de Gripe por H3N2 e Campanha de Vacinação segue até dia 9 de Junho

    A 6ª Coordenadoria Regional de Saúde (6ª CRS) confirmou  um caso de gripe pelo vírus H3N2, que é um subtipo da Gripe A e um dos vírus com maior circulação no Rio Grande do Sul. O paciente foi diagnosticado no início do mês e já recebeu o tratamento. Ele não reside em Passo Fundo ou na região. No Rio Grande do Sul foram confirmadas duas mortes por H3N2, de um homem de 45 anos, da cidade de Harmonia, e de uma mulher de 92 anos, de Canoas. Ambos pertenciam ao grupo prioritário e não tinham recebido a vacina neste ano. Em Passo Fundo, até o momento não foi confirmado nenhum registro de H1N1, que foi o causador de mais cinco mortes no Estado. A vacina da gripe disponível na rede pública de saúde para o grupo-alvo da campanha do governo federal combate os três principais tipos de vírus da gripe: H1N1 (Influenza A), H3N2 e Influenza B. O enfermeiro da Vigilância Epidemiológica da 6ª CRS, Gilberto Santetti, disse que a população precisa ficar atenta a todos os casos de gripe, independente do tipo do vírus. Ele frisa que qualquer gripe pode ter um agravamento. As pessoas que apresentarem sinais de gripe, como febre alta repentina e tosse, devem procurar o atendimento médico. Não é necessário ir até a emergência dos hospitais. Santetti ressalta que, hoje, as unidades de saúde já contam com o medicamento Oseltamivir, mais conhecido como Tamiflu, para o tratamento da H1N1 e das outras variantes do vírus, conforme prescrição médica. Quem ainda não se vacinou contra a gripe e faz parte do grupo-alvo tem mais uma oportunidade para se imunizar. O município seguirá a orientação do Ministério da Saúde que, devido à baixa procura em todo o país, prorrogou o período de vacinação para até 9 de junho. Passo Fundo já atingiu 82,5% da meta que é de 90%. Até a última quarta-feira foram aplicadas 55.751 doses da vacina. Os grupos prioritários com maior cobertura é o dos indígenas (com mais de 100%) e dos idosos (95%), os que menos se vacinaram foram as crianças (54,5%) e as gestantes (62,72%). Após o encerramento da campanha, as doses que sobrarem serão aplicadas na comunidade em geral. Por enquanto apenas as seguintes grupos podem receber a vacina na rede pública de saúde: crianças de 6 meses a 5 anos; trabalhadores da saúde; gestantes e até 45 dias depois do parto; indígenas e idosos; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; professores de escolas públicas e privadas; adolescentes sob medidas socioeducativas; e população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

     

  • Quinta-Feira, 25/05/2017

    Trocas de uniformes escolar já ocorrem no quartel da Brigada Militar na Avenida Presidente Vargas

    A Prefeitura de Passo Fundo finalizou em abril a entrega da nova coleção dos uniformes escolares, com peças de verão e de inverno. Aproximadamente 16 mil alunos das 70 escolas de educação infantil e de ensino fundamental do município foram beneficiados. Foram confeccionadas mais de 170 mil peças, sendo que cada kit possui nove. Os pais ou responsáveis que precisarem fazer trocas, já podem procurar a Central de Trocas do Uniforme Escolar, que fica no Quartel da Brigada Militar, na Avenida Presidente Vargas. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 12h30 às 18h. É necessária a apresentação de um documento de identificação com foto. No local são realizadas apenas as substituições das peças devido a numeração errada e defeitos de confecção. Os pais que tiverem filhos com necessidades especiais e precisarem reforçar o kit também pode fazer a solicitação. O secretário municipal de Educação, Edemilson Brandão,destacaque o uniforme escolarnão é apenas umaroupa, ele traz um conceito mais amplo. É umelemento de equidade, que faz com que as crianças se sintam iguais no ambienteescolar, facilita o controle e a mobilidade dos alunos em espaços públicos e ajuda as famílias a economizarem. O secretário ressalta que o principal é que o estudante se sinta orgulhoso de fazer parte da rede pública de ensino. A ideia é elevar a autoestima dos alunos para que eles tenham condições de participar de um processo educativo em igualdade.

  • Quarta-Feira, 24/05/2017

    Concurso vai escolher fotos que serão cartão postal e símbolo de Passo Fundo

    Passo Fundo completa 160 anos em agosto, sendo que, assim como a cidade, muita coisa mudou também na fotografia. Se no passado a atividade era restrita a profissionais, que faziam grandes investimentos em equipamentos, hoje os registros fotográficos são mais fáceis e comuns na vida das pessoas. É através também da fotografia que a história da cidade é preservada. No aniversário de 160 anos do município, a proposta é captar essa memória e valorizar os cenários que fazem parte dessa história. A Prefeitura de Passo Fundo, através da Secretaria de Cultura, dará início no dia 1º de junho ao concurso fotográfico Click 160. O concurso tem como objetivo escolher 20 fotografias que serão transformadas em cartões-postais oficiais da cidade. Com o tema “Passo Fundo – 160 Anos”, as fotos poderão ser variadas, abrangendo todos os bens culturais de natureza material e imaterial do município. As inscrições ficarão abertas de 01º de junho a 01º de agosto de 2017 e as fotos escolhidas serão divulgadas em 1º de setembro, sendo que vão fazer parte dos cartões-postais da cidade e representações de publicidade. As fotos devem seguir algumas exigências e serão enviadas para o e-mail: [email protected] Será disponibilizada apenas uma inscrição por participante com até três fotografias inéditas, ou seja, que não tenham nunca antes sido publicadas em meio impresso ou eletrônico. Junto às fotos, deverão ser anexados os seguintes documentos: ficha de Identificação completa (anexo I) e Termo de Cessão de Direitos Autorias (anexo II), disponibilizados no edital. O título do e-mail deverá conter a palavra “Inscrição”. Em entrevista na Uirapuru, o secretário municipal de Cultura, Pedro Almeida, afirmou que o concurso é voltado para fotógrafos amadores e profissionais, que vão ter como inspiração uma nova imagem de Passo Fundo, que conta com espaços públicos revitalizados. Dúvidas serão esclarecidas na Secretaria de Cultura pelo telefone 3312-1423 ou pelo e-mail [email protected]

     

Pesquisar artigos anteriores

Você participa do movimento comunitário de Passo Fundo?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas