Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Cultura

Publicada em: 20/09/2017 , por Jornalismo Uirapuru

A A A

Desfile Militar e Mostra da Cultura Gaúcha reúnem 10 mil pessoas na Avenida Sete de Setembro

Rádio Uirapuru
Créditos: Gabriela Rosa/Rádio Uirapuru
Desfile Militar e Mostra da Cultura Gaúcha reúnem 10 mil pessoas na Avenida Sete de Setembro

As comemorações do 20 de Setembro, com o Desfile Militar e a 25ª Mostra da Cultura Gaúcha, reuniram aproximadamente 10 mil pessoas na Avenida Sete de Setembro na manhã desta quarta-feira. O número superou o do Desfile da Independência, que foi de 8 mil.

 

A data marca um dos episódios mais importantes da história do Rio Grande do Sul, marco da sua formação social e política, a Revolução Farroupilha. O 20 de Setembro também celebra o Dia do Gaúcho.

 

As atividades iniciaram com o Desfile Militar, seguido da Mostra com o tema “Passo Fundo 160 anos valorizando seu povo e sua cultura”. Nesse ano, as 16 entidades tradicionalistas de Passo Fundo se reuniram em grupos para homenagear os principais personagens formadores da nossa cultura tradicionalista. Os CTGs Cavaleiros do Mercosul e Lalau Miranda contaram na Avenida a história de Estanislau de Barros Miranda, o Lalau Miranda.

 

O tradicionalista foi o vereador mais jovem do município, filho do herói da Guerra do Paraguai, tenente-coronel Francisco de Barros Miranda. Considerado o patriarca de Passo Fundo, Joaquim Fagundes dos Reis foi apresentado pelo CTG Fagundes dos Reis, DT Industrial e DT Simpasso. Tradicionalista autêntico, Osório Porto foi retratado pelo AT Pedro Ribeiro da Luz e CTGs Osório Porto e União Campeira.

 

A ala Moacyr da Motta Fortes foi composta pelos CTGs Moacyr da Motta Fortes, Cavaleiros do Planalto Médio e Amigos da Tradição. A história do Bispo Dom Luiz Felipe de Nadal foi contada pelo DT Juvenil e pelo CTG Dom Felipe de Nadal. O “Bispo dos gaúchos”, como era conhecido, foi radialista, poeta e desportista. A última ala a entrar na avenida foi a de Eduardo Müller, criador de gado leiteiro, com os CTGs Estância Nova, Tropel de Caudilhos e Eduardo Müller.

 

As comemorações encerraram com apresentação das invernadas artísticas de todas as entidades. Estima-se que mais de 1.500 pessoas tenham passado pela Avenida. Durante o desfile, o prefeito Luciano Azevedo falou à Uirapuru que os passo-fundenses gostam das atividades relacionadas à Semana Farroupilha, uma tradição da cidade que tem o seu ápice no 20 de Setembro.

 

O deputado estadual Gilberto Capoani (PMDB) destacou na Uirapuru que o desfile farroupilha é um momento importante na vida dos gaúchos. Ressaltou que temos muitas diferenças que nos separam, mas o amor pela terra, pela história do Rio Grande do Sul e pelas tradições nos unem.

 

O deputado estadual Juliano Roso (PCdoB) salientou que essa data tão importante para os gaúchos deve servir de inspiração para que o país tenha um momento melhor, com mais dignidade e sem escândalos. Que os políticos possam se inspirar na história do Rio Grande do Sul e, com isso, sejam resolvidos os problemas econômicos, sociais e morais.

 

Josemar Sgorla, do Núcleo dos Criadores de Cavalos Crioulos José Ronald Bertagnolli, acredita que esse foi o melhor desfile farroupilha feito na história de Passo Fundo. Muito bem organizado e, neste ano, inovando ao fazer parcerias entre as entidades, promovendo a integração que enriquece o movimento tradicionalista.

 

O diretor da Rádio Uirapuru, Jerônimo Fragomeni, destacou que o Desfile Farroupilha marca a data magna do tradicionalismo. Lembrou que em 1835 os gaúchos se revoltaram contra a exploração do governo, parecido com o que está acontecendo nos dias atuais. Frisou que o orgulho de manter viva a chama da tradição.

 

Organização e tempo bom agradam público e participantes do Desfile Farroupilha

 

A organização do Desfile Militar e da 25ª Mostrada Cultura Gaúcha, que nesse ano foram realizados juntos, envolveu a Prefeitura Municipal, na figura do secretário de Cultura, Pedro Almeida, a 7ª Região Tradicionalista, a Brigada Militar e a 7ª Coordenadoria de Educação.

 

Os Festejos Farroupilhas tiveram como tema central “Passo Fundo 160 anos valorizando seu povo e cultura”, mas também foram celebrados os 180 anos da Brigada Militar e os 70 anos de surgimento da Chama Crioula, símbolo maior do tradicionalismo gaúcho.

 

O secretário Almeida, enfatizou que uma das marcas de Passo Fundo é o tradicionalismo. Isso foi comprovado pela participação massiva da população, que lotou as arquibancadas da Avenida Sete de Setembro para assistir o desfile. Contou que um dos momentos felizes foi encerrar a Mostra da Cultura Gaúcha de forma inédita, com show surpresa das invernadas artísticas.

 

Destacou ainda a realização do desfile junto à mostra. Pedro Almeida disse que a avaliação é muito positiva. O tempo bom favoreceu e os passo-fundenses marcaram presença.

 

A coordenadora da 7ª Região Tradicionalista, Gilda Galeazzi, agradeceu a todos que participaram dos Festejos Farroupilhas. Destacou que sem esse envolvimento, o movimento tradicionalista não se fortalece. Gilda ressaltou que a Chama Crioula deve sirver para reflexão e para construirmos um amor ao país, ao Rio Grande e acima de tudo ao próximo.

 

Na Uirapuru, o comandante da Brigada Militar, coronel Jair Euclésio Ely ressaltou que a corporação é o maior e mais antigo Centro Tradicionalista do Rio Grande do Sul. Ela foi criada em 1937, durante a Revolução Farroupilha, para manter a ordem no Estado.

 

Frisou que não há um município que não tenha um quartel da Brigada Militar, assim como não existe um quartel que não cultue as tradições gaúchas.

 

Na cobertura dos Festejos Farroupilhas, a Rádio Uirapuru contou com o apoio de: Casa do Mate, GM Materiais de Construção, Estação Rodoviária, Óptica Goellner e Império Casa de Carnes.A   transmissão do desfile contou com a locução Claudionor Ramos e Valdir Mello, na concentração Lucas Brasil e nos comentários o professor de história Maurício Paim e Osmar Toazza.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Você acha que existe fórmula para educar uma criança?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas