Recuperação de empregos e juros baixos refletem na queda da inadimplência do consumidor

Créditos: Arquivo/Rádio Uirapuru

Levantamento da Boa Vista SCPC constatou queda no acumulado e no comparativo entre janeiro de 2019 contra o mesmo mês do ano anterior. A inadimplência do consumidor caiu 1,1% no acumulado de 12 meses (fevereiro de 2018 até janeiro 2019 frente aos 12 meses antecedentes), de acordo com dados nacionais da Boa Vista. Já na avaliação mensal com ajuste sazonal, janeiro apresentou crescimento de 2,0%.

Quando comparado o resultado contra o mesmo mês de 2018, o indicador caiu 6,5%. De acordo com o diretor do SCPC Passo Fundo, Valter Ceolin, “a situação econômica do país nos últimos anos gerou grande cautela nas famílias, inibindo o consumo e a tomada de crédito e contribuindo para a queda do fluxo de inadimplência. Segundo ele, passado o período mais intenso da crise, o indicador demonstra sinais de que caminha para a estabilização. Outro dado positivo levantado pela Boa Vista é a queda do tempo médio para quitação de dívidas após a inserção do débito no cadastro de inadimplentes.

Segundo levantamento de abrangência nacional, em 2018 os consumidores demoraram em média 117 dias – o equivalente a 3,9 meses – para quitar suas dívidas após serem incluídos na base de inadimplentes do SCPC. Em 2017, o prazo médio foi de 5 meses. O recuo foi observado em todos os setores selecionados.  O diretor do SCPC cita que os indicadores em queda são reflexos da recuperação mais consistente do mercado de trabalho, da redução dos juros e da expansão da renda.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Notícias Recomendadas