Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Jornada Nacional de Literatura 2017

Publicada em: 12/09/2017 , por Jornalismo Uirapuru

A A A

Flicom integra a programação paralela da 16ª Jornada Nacional de Literatura

Rádio Uirapuru
Créditos: Divulgação
Flicom integra a programação paralela da 16ª Jornada Nacional de Literatura
Um dos participantes é o escritor, compositor e ativista político, Tico Santa Cruz.

Além da programação no palco principal, a 16ª Jornada Nacional de Literatura, que acontece de 2 a 6 de outubro, em Passo Fundo/RS, também terá diferentes atividades na programação paralela. Entre seminários e oficinas, um dos destaques dessa edição é a realização da Festa Literária da Comunicação (Flicom), iniciativa realizada em parceria com a Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares de Comunicação (Intercom) e que reúne pesquisadores de comunicação, jornalistas, publicitários e profissionais da área que escrevem e fazem literatura. A programação da Flicom na Jornada inclui mesas de debates que acontecem nos dias 3 e 4 de outubro, no turno da tarde. 

 

O objetivo da Flicom é, de acordo com o coordenador geral, o jornalista, escritor e um dos coordenadores de debates da Jornada, Felipe Pena, promover anualmente o encontro de pessoas que pensam a comunicação e a literatura em uma grande festa literária. Neste ano, isso tudo terá como cenário as Jornadas Literárias. Entre os temas que serão debatidos na Flicom, estão as fronteiras entre ficção e realidade nas narrativas contemporâneas; a leitura em rede; as interações, performances e recursos estilísticos; e a iconoclastia, história e narrativas políticas. Para isso, a festa terá convidados importantes, como o músico Tico Santa Cruz – que, segundo Pena, além de uma grande figura da comunicação que tem mais de três milhões de seguidores no Facebook, também é músico e ativista e consegue transitar muito nessas áreas – e o jornalista Juremir Machado, considerado por Pena um dos maiores professores de comunicação do Brasil e que tem uma obra de ficção consagrada.

 

Na opinião do coordenador, o espírito dessa festa é o de conseguir dar uma dinâmica diferenciada e “rebelde” ao que se chama de literatura. “Vamos ultrapassar os cânones e ter uma nova visão daquilo que a gente chama convencionalmente na academia de literatura. Vamos partir para uma narrativa que seja a tradução da complexidade e isso significa ser simples. A simplicidade não é superficialidade, a simplicidade é a laboriosa tradução da complexidade. Escrever fácil é muito difícil”, destacou. 

 

Para a coordenadora local da Flicom, a professora da UPF Bibiana de Paula Friderichs, o encontro é especialmente interessante a alunos e profissionais de comunicação, mas também pode ser muito interessante para o público como um todo, porque as temáticas são interdisciplinares. Para ela, a própria Jornada é um evento de convergências, seja de suporte, de linguagem, de prática e de públicos. “Qualquer pessoa que se interessa pela leitura, num sentido amplo, vai se interessar pelas temáticas discutidas na Flicom porque elas são muito convergentes com os assuntos debatidos na Jornada”, finalizou. 

 

As mesas de debates da Flicom acontecem nos dias 3 e 4 de outubro, das 14h às 18h, no auditório do Laboratório Central de Informática (LCI), prédio B5, Campus I da UPF. As inscrições devem ser feitas no momento da inscrição para a Jornada Nacional de Literatura, escolhendo a opção "Jornada de Literatura + Flicom" no site www.upf.br/16jornada.

 

Sobre as Jornadas Literárias
A 16ª Jornada Nacional de Literatura e a 8ª Jornadinha Nacional de Literatura são promovidas pela Universidade de Passo Fundo (UPF) e pela Prefeitura de Passo Fundo. Os eventos contam com os patrocínios da Ambev, do Banrisul, da Corsan, da Companhia Zaffari & Bourbon, Fapergs, da Ipiranga, Panvel, da SulGás, da Triway e da TechDEC, com o apoio cultural da BSBIOS e do Sesi, patrocínio promocional da Capes, Italac e Oniz, com a parceria cultural do Sesc, financiamento do Governo do Estado – Secretaria da Cultura – Pró-cultura RS LIC e realização do Ministério da Cultura.

 

As inscrições para a Jornada e para a Jornadinha estão abertas e são limitadas. Para a Jornada, o público pode se inscrever tanto para o evento completo quanto para apenas uma das noites. Os interessados devem se inscrever no portal www.upf.br/16jornada. A programação completa também está disponível no site da Jornada. Informações podem ser obtidas pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (54) 3316-8368.

 

Confira a programação completa da Flicom: 

Mesa 1:
 dia 3 de outubro, das 14h às 16h
Local: Auditório do Laboratório Central de Informática - LCI/ICEG (prédio B5) – Campus I – UPF
Fronteiras entre ficção e realidade nas narrativas contemporâneas
Mediação:
 Felipe Pena (jornalista e escritor) 
- Alison Entrekin – tradutora. Responsável pelas novas versões da obra de Guimarães Rosa para o inglês
- Luize Valente – jornalista, ex-editora da GloboNews, escritora e pesquisadora. Autora dos romances históricos “O segredo do Oratório” e “Uma praça em Antuérpia” 
- Henrique Rodrigues – jornalista e escritor
- Fernando Molica – jornalista, escritor e autor de “Um selfie com Lenin”, entre outros romances

 

Mesa 2: dia 3 de outubro, das 16h às 18h
Local: Auditório do Laboratório Central de Informática - LCI/ICEG (prédio B5) – Campus I – UPF
Iconoclastia, história e narrativas políticas
Mediação: Ana Spannenberg (Jornalista e professora da Universidade Federal de Uberlândia) 
- Juremir Machado – jornalista, professor universitário e tradutor. Autor de duas dezenas de livros, foi coordenador da pós-graduação em comunicação da PUC-RS e é comentarista do programa Esfera Pública, na TV Record. Está lançando o livro “Raízes do conservadorismo brasileiro” 
- Felipe Pena – jornalista, psicólogo e professor da Universidade Federal Fluminense. Autor de 15 livros, entre eles, os romances que compõem a Trilogia do Campus (ed. Record, 2010, 2011 e 2012). Foi finalista do prêmio Jabuti duas vezes, em 2011 e 2013. Está lançando o livro “Crônicas do Golpe”.
- Manuel Costa Pinto – jornalista, escritor e curador de festivais literários (a confirmar)

 

Mesa 3: dia 4 de outubro, das 14h às 16h
Local: Auditório do Laboratório Central de Informática - LCI/ICEG (prédio B5) – Campus I – UPF
Booktubers, bloggers e plataformas digitais: a leitura na rede
Mediação: Felipe Pena (jornalista e escritor)
- Denise Guilherme, do site A taba
- Vana Campos do tvculturando
- Daisy Carias, do A cigarra e a formiga
- Flávia Scherner, do canal Fafaconta

 

Mesa 4: dia 4 de outubro, das 16h às 18h
Local: Auditório do Laboratório Central de Informática - LCI/ICEG (prédio B5) – Campus I – UPF
Interações, performances e recursos estilísticos
Mediação: Felipe Pena (jornalista e escritor)
- Afonso Borges – jornalista, escritor e produtor cultural. Está lançando o livro “Olhos de Carvão”
- Tico Santa Cruz – escritor, compositor e ativista político
- Sonia Virginia Moreira – Professora da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, membro do conselho curador da Intercom e board member-at-large for the Americas da International Communication Association (ICA)

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Ouça ao vivo

Vai que é tua

com Lucas Brasil

Terça-Feira

das 14:35 às 16:50

ouça ao vivo



Dar esmola para moradores de rua resolve problema social?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas