Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Meio Ambiente

Publicada em: 05/07/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Grupo ecológico cobra cumprimento da lei que obriga uso das sacolas ecológicas, mas enfrenta resistência empresarial

Rádio Uirapuru
Créditos: Reprodução/Internet
Grupo ecológico cobra cumprimento da lei que obriga uso das sacolas ecológicas, mas enfrenta resistência empresarial

Na tarde da última terça-feira (03), ocorreu um encontro no Plenarinho da Câmara de Vereadores para tratar sobre a lei que obriga os estabelecimentos comerciais de Passo Fundo a substituírem as sacolas plásticas convencionais pelas sacolas ecológicas ou oxi-biodegradáveis. A reunião foi solicitada por representantes da Agenda 21 e do Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (Gesp), junto à Comissão de Cidadania, Cultura e Direitos Humanos (CCCDH).

 

Falando na Uirapuru, Paulo Cornélio explicou que a lei já está em vigor desde 1º de janeiro de 2017. Os comerciantes tiveram tempo para se adequar, porém o que se observa hoje é que a maioria não oferece sacolas ecológicas como opção aos clientes. O que o GESP quer é cobrar o cumprimento da lei e também a fiscalização.

 

Destacou que a opção ideal são as sacolas biodegradáveis, que demoram apenas seis meses para se decompor na natureza. A sacola de plástico tradicional leva até 400 anos. Declarou que há hoje uma resistência dos comerciantes para a lei, mas a discussão segue direto também com as entidades empresariais locais, que começam a apoiar a mudança, como o caso da CDL.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Você acha que Passo Fundo é uma cidade segura?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas