Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Polícia

Publicada em: 28/02/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Desaparecimento de contadora: mulher teria feito clientes contraírem dívidas por erros em declarações do Imposto de Renda

Rádio Uirapuru

Desde que desapareceu em 30 de janeiro, a contadora Sandra Mara Lovis Trentin, tem sido o assunto dominante na pequena cidade de Boa Vista das Missões, onde residia com o marido, preso na última sexta-feira apontado por um jovem como mandante da execução.

 

O rapaz foi localizado pela polícia após quebra de sigilo telefônico, onde informou ter sido contratado como pistoleiro por ele para dar fim na mulher. Pelo serviço ele receberia R$50 mil e armas. Em depoimento, porém, o local onde o corpo teria sido escondido e apontado pelo suposto pistoleiro não tinha nada, o que só aumentou o mistério.

 

O marido de Sandra, que é presidente da Câmara de Vereadores de Boa Vista das Missões, foi preso por ter dado depoimento contraditório e ser apontado pelo rapaz, localizado após quebra de sigilo telefônico. Os dois estão presos no Presídio de Palmeira das Missões, cidade onde Sandra desapareceu e foi vista pela última vez.

 

A polícia trabalha com quatro linhas de investigação. A primeira dela aponta para o marido de Sandra, por terem tido uma briga muito forte por questões conjugais no final do ano. Os dois reataram dias depois, já que tinham duas filhas juntos.

 

A segunda linha aponta uma dívida milionária dos clientes do escritório de contabilidade de Sandra, onde ela era proprietária e contadora. A dívida seria de R$2,5 milhões, no total e teriam sido contraída pelos seus clientes por erros de declarações de Imposto de renda, feitas por Sandra. Desta forma os clientes ficaram endividados e a polícia investiga vingança.

 

Outra hipótese é uma possível vingança contra o vereador, pois ele teria contraído dívidas financeiras com pessoas poderosas durante sua campanha para vereador.

 

A última hipótese investigada seria um erro de alvo, onde criminosos sequestraram a vítima pensando que o carro pertencia a outra pessoa.

 

A investigação segue com ao menos 12 policiais civis e corre em segredo.

 

As informações são do Diário Gaúcho.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Ouça ao vivo

Comando da Madrugada

com Caroline Secchi

Quarta-Feira

das 00:00 às 06:00

ouça ao vivo

O clima de incertezas que vive o país pode interferir no interesse do torcedor brasileiro na Copa do Mundo?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas