Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Polícia

Publicada em: 13/03/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Garoto de programa de Passo Fundo é morto com 100 golpes de faca em Porto Alegre

Os assassinos filmaram a execução e mandaram o vídeo para os mandantes

Rádio Uirapuru
Créditos: Divulgação Facebook
Garoto de programa de Passo Fundo é morto com 100 golpes de faca em Porto Alegre

O resultado da investigação sobre um crime bárbaro na zona norte de Porto Alegre foi divulgado nesta terça-feira (13) pela 5ª Delegacia do Departamento de Homicídios. Um corpo foi encontrado com mais de 100 perfurações, no dia 16 de dezembro do ano passado, na Estrada Martim Félix Berta, no bairro Mario Quintana.

 

A polícia descobriu que se tratava de Fernando Chaves Gomes, de 21 anos, morador de Passo Fundo, que atuaria como garoto de programa. A vítima foi torturada e executada com golpes de facas. Tudo foi gravado e enviado para dois mandantes motivados por ciúmes.

 

Uma mulher de Parobé, que foi presa na última sexta-feira (9), e um empresário de São Paulo, encontrado morto na semana passada no dia em que policiais gaúchos iriam prendê-lo.

 

Os agentes também prenderam três executores e apontaram o envolvimento de dois adolescentes, sendo um deles uma jovem de 16 anos usada para atrair a vítima.

 

Crime planejado

 

Conforme a polícia, um homem levou uma jovem para Passo Fundo uma semana antes do crime para um programa com a vítima. Até então, Gomes achava que a mulher, na verdade uma adolescente, tinha ido sozinha. Dias depois ela fez contato para ele ir até Porto Alegre para outro programa com ela e uma amiga. Pagaram adiantado uma parte do valor. Tudo não passava de uma armação para atrair a vítima.

 

O garoto de programa chegou na Capital por volta de 23h do dia 15 de dezembro e foi encontrado morto por volta de 6h do dia 16.

 

Investigação

 

O crime passou a ser solucionado a partir da identificação da vítima e da obtenção de imagens de câmeras de segurança. Um dos executores, identificado, foi preso e um homem que participou da logística para atrair a vítima acabou revelando a história durante depoimento. A partir disso, a 5ª Delegacia de Homicídios obteve mais provas sobre o envolvimento de dois ex-namorados de Gomes.

 

Além disso, conseguiu na Justiça a prisão preventiva de cinco pessoas: os dois mandantes e três executores. Os nomes não foram divulgados. Também foi apontado o envolvimento de dois adolescentes, mas o caso deles foi encaminhado para o Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca).

 

Tortura

 

A delegada Luciana Smith, responsável pela investigação, diz que o jovem foi amarrado e torturado com golpes de faca. Ele sofreu dezenas de facadas pelo corpo antes de morrer. Um dos executores gravava tudo em vídeo. Outro ainda perguntava se a vítima sabia por que iria morrer.

 

- Foram muitos os requintes de crueldade, com tortura física e psicológica. Mataram ele depois de contarem os motivos - diz Luciana. 

 

A polícia apurou que as imagens foram enviadas para os dois mandantes. Após elucidar o caso, agentes foram para São Paulo prender o empresário. Ao chegar na cidade, a polícia local informou que ele cometeu suicídio ao pular do 13º andar de um hotel.

 

Temendo que os demais suspeitos pudessem fugir, a polícia prendeu os outros executores em Porto Alegre e a outra mandante do crime em Parobé.

 

Fonte: Rádio Gaúcha

Imagens Relacionadas

Clique nas imagens para ampliá-las.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Você acha que Passo Fundo é uma cidade segura?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas