Passo-fundenses são condenados a mais de 20 anos de prisão por roubos e extorsão

Créditos: Rádio Uirapuru

Dois passo-fundenses foram condenados por crimes de associação criminosa, roubo e extorsão cometidos em 2016 nos municípios de Passo Fundo, Gentil, Tapera e Caseiros. Daniel Menezes Dornelles, conhecido como japa, deve cumprir 26 anos e 11 meses em regime fechado. Já o comparsa dele, Jones Ramos de Mello foi condenado a 21 anos e 4 meses de reclusão. Os dois tem diversos antecedentes policiais.

Ainda, uma terceira pessoa foi condenada a dois anos e seis meses de prestação de serviço à comunidade, por receptação, já que guardou alguns objetos roubados dentro da própria casa. A sentença é, ainda, de novembro do ano anterior e foi proferida pelo juiz, Marcel Andreata de Miranda.

A dupla foi identificada pela equipe da Defrec, hoje Draco, responsável pela investigação na época. Os policiais constataram que a dupla agia com um terceiro indivíduo, absolvido neste processo. Eles eram violentos, usavam armas de fogo e, por vezes, agrediam as vítimas. Em um dos casos, chegaram usar giro-flex preso a uma caminhonete, para interceptar a vítima, em via pública. A dupla já estava presa preventivamente e continua no presídio, devido a condenação.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Notícias Recomendadas