Na Uirapuru, Beto Albuquerque avalia dispersão de votos como responsável por eleger senadores de fora da cidade

Créditos: Gabriel Nunes/Rádio Uirapuru

Representando Passo Fundo como candidato ao Senado Federal, Beto Albuquerque (PSB) fez mais de 1 milhão e 700 mil votos nestas eleições, o que representa 16,23% dos votos válidos. Na cidade recebeu 61.796 votos (31,12%). Apesar do percentual alto e de ter feito mais votos que muitos candidatos à presidência da República, ainda sim não foi o suficiente para se eleger. Beto ficou em terceiro lugar, com um pouco mais de 1% de diferença entre o segundo colocado.

Ontem (07), falando pela primeira vez à Uirapuru após o período das eleições, avaliou o pleito. Declarou que perdemos uma oportunidade histórica de ter um senador nascido, criado e formado em Passo Fundo. Beto contou que por ser nativo tinha uma expectativa de 100 mil votos na cidade, mas assim como aconteceu com outros nomes de Passo Fundo, os votos foram dispersados e candidatos de fora se destacaram.

Beto Albuquerque avaliou que estas eleições foram atípicas por diversas razões, mas a maior evidência foi o fenômeno do presidente eleito Jair Bolsonaro, que movimentou muitas eleições à Câmara dos Deputados, Assembleias e também ao Senado. Algumas delas desconhecidas, como a candidata ao Senado pelo PSL, Carmen Flores, que na cidade fez 27 mil votos.

Albuquerque frisou que, passada as eleições, quem ganhou tem que governar bem e fazer o que prometeu e quem perdeu tem que se resignar, ser oposição, e torcer para o Brasil dar certo. É o que ele vai fazer. Mas frisou que a nossa região continua sem nunca ter elegido um senador. Questionado sobre o seu futuro na política, ressaltou que precisa pensar no que vai fazer e que a política não é único caminho. Lembrou que ficou quatro anos sem cargo público depois da candidatura a vice-presidente do Brasil.

Mais Imagens

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Notícias Recomendadas