Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 90.1

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Segurança

Publicada em: 03/08/2017 , por Jornalismo Uirapuru

A A A

Donos de joalherias e óticas cobram mais segurança e BM garante viatura de apoio à Bike Patrulha

Rádio Uirapuru
Créditos: Eduarda Perin/CDL
Donos de joalherias e óticas cobram mais segurança e BM garante viatura de apoio à Bike Patrulha

Hoje em Passo Fundo um dos segmentos mais visado por bandidos é o de joalherias e óticas. No ano passado, 80% das empresas desse ramo registraram roubo ou furto. O dado foi apresentado pelo empresário Paulo Pontual, durante reunião na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), realizada nesta terça-feira (1º).

 

O encontro contou com a participação de 43 representantes de lojas e da Brigada Militar (BM). A classe empresarial cobra ações conjuntas entre a BM e a Polícia Civil para a recuperação imediata das mercadorias roubadas e a identificação das quadrilhas de roubo e venda e dos receptadores.

 

Os empreendedores relataram que os funcionários estão com medo de irem trabalhar e serem assaltados nos estabelecimentos comerciais. Pontual ressaltou que quando se trata de segurança pública são sempre as mesmas desculpas: não há efetivos e nem viaturas. Mas não serão mais aceitas essas justificativas.

 

Afirmou que quem tem que resolver esse problema é o secretário de segurança do Estado, a Brigada Militar e a Polícia Civil. Destacou que a Bike Patrulha tem feito o máximo para proteger as empresas da área central, mas hoje são apenas seis policiais, quando no passado eram 16. Paulo Pontual frisou que o comércio local precisa do retorno dos 10 profissionais.

 

Contou que a classe empresarial também é contrária a forma com que é feito o registro de ocorrência. Hoje o empresário vai até a Polícia Civil junto aos familiares do delinquente, não existe atendimento diferenciado. Além disso, o segmento denuncia que não recebe informações sobre os andamentos da investigação.

 

O subcomandante do 3º RMon da BM, capitão Laudemir da Rosa Gomes, reconheceu que o número de policiais na Bike Patrulha diminui por diversas razões, como aposentadorias, mas a Brigada Militar tem qualificado o efetivo atual. Ressaltou que o trabalho de abordagem também é reforçado pela Rocam e pelo POE.

 

O capitão informou que a Bike Patrulha vai contar com uma viatura para que os trabalhos em dias de mau tempo não sejam interrompidos, como acontece hoje. Frisou que mesmo com todos os problemas, a atuação dos policiais está repercutindo bem.

 

Em contato com a Polícia Civil, o delegado Diogo Ferreira informou à Uirapuru que o comando tem intensificado as investigações, principalmente aquelas que dizem respeito a roubos a estabelecimentos comerciais e a coletivos urbanos.

 

Ressaltou que à Polícia Civil cabe a investigação depois que o fato ocorre e a prevenção e o policiamento ostensivo é função da BM, mas acredita que podem unir esforços para intensificar ainda mais essas ações.

 

O delegado frisa que situações como a preferência de atendimento aos empresários na hora do registro de ocorrência podem ser melhoradas. O delgado Diogo disse que marcará uma reunião com o empresariado das joalherias e óticas.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Você acha que a Reforma Política em andamento no Congresso vai moralizar o País?

Copyright © 2017 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas