Na Uirapuru, Secretário de Transportes do Estado afirma que ampliação da pista do aeroporto é uma questão técnica que será avaliada

Créditos: Alex Borgmann

A principal medida para resolver o problema de pousos do Lauro Kortz, o alargamento da pista, não está previsto no edital de ampliação e reforma do aeroporto. A deficiência foi levantada pela Rádio Uirapuru, que conversou com a empresa Traçado Construções e Serviços, de Erechim, que foi a vencedora da licitação.

Atualmente a pista do aeroporto possuí 30 metros de largura, quando o ideal seria de 45 metros. Com a pista estreita há uma série de limitações, com um vento de través o avião não consegue pousar. Se ela for ampliada, aeronaves maiores, como Airbus A319 e A320, também poderão operar no Lauro Kortz.

A alteração na largura não consta no edital e no contrato assinado com a empresa Traçado, para acontecer teria que ser por meio de um aditivo, que pode ser articulado pelo Estado. O aditivo deve ocorrer antes da finalização dos projetos.

Em entrevista à Uirapuru, o secretário de Logística e Transportes do Estado, Juvir Costella, explicou que essa é uma questão de análise técnica na qual a secretaria já está trabalhando. Disse que em alguns dias terá o resultado e, com isso, poderá divulgar o que irá ocorrer.

Os serviços de melhorias do Lauro Kortz estão orçados em R$ 43 milhões e 221 mil. Estão previstos: novo terminal de passageiros, com esteira, estacionamento, sistema de iluminação por LED na pista, estação meteorológica e nova estação de radiocomunicação. Ao todo, são seis meses de projetos e 18 meses de execução das obras.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Notícias Recomendadas